Moradores de uma cidade formaram fila na frente de um açougue, nesta semana, para pegar ossos doados pelo estabelecimento. Dezenas de famílias que estavam no local contaram que estão passando por dificuldades financeiras.

A dona de casa Brazilina Paulo de Souza foi até o local com a filha e a prima. Segundo ela, a família passa por dificuldades financeiras e não é sempre que conseguem colocar carne na panela.

A catadora Miniane Regina de Souza trabalha com reciclagem. O dinheiro que ela e o marido ganham no fim do mês não tem sido suficiente.

Segundo a trabalhadora, para não deixar faltar na mesa, ela decidiu enfrentar a fila para conseguir o alimento

Quem também aguardou na fila foi a Mara Siqueira Castro, mãe de 7 filhos. Ela trabalha como autônoma, mas não tem conseguido manter as despesas da família.

“Eu recebo só o beneficio do governo e nós estamos vivendo de doações”, disse.

As doações são feitas pelos funcionários pela porta dos fundos do açougue.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

vinte + um =