Com a alta nos preços dos combustíveis liquidos, o Gás Natural Veicular (GNV) vem garantindo a redução dos gastos na hora de abastecer o veiculo na Paraíba. Atualmente, rodar com o GNV gera uma economia de 43% para motoristas da Grande João Pessoa e 37% de Campina Grande. A competitividade leva em conta a relação do valor do combustível, desempenho médio do veículo e distância percorrida com a gasolina e o gás natural.

Segundo levantamento da Companhia Paraibana de Gás (PBGás) no aplicativo Preço da Hora, realizado no dia 15 de setembro, o valor médio da gasolina nos postos da Capital era de R$ 5,88, enquanto do GNV é de R$ 4,15.

Para se ter ideia da economia, o motorista que rodar 3 mil km por mês, por exemplo, terá uma economia de R$ 705,42, com base no desempenho médio de um veículo popular. Enquanto rodando na gasolina ele gastaria R$ 1.648,60 por mês, no GNV apenas R$ 943,18.

Já em Campina, na gasolina ele desembolsaria R$ 1.665,42, e no GNV R$ 1.056,82, obtendo uma economia de R$ 608,60.  “Trabalho há mais de 2 anos como motorista de aplicativo e desde que instalei o kit GNV de 5ª geração, senti uma melhoria significativa na economia”, afirmou o motorista Feliciano Fernandes.

O diretor presidente da PBGás, Jailson Galvão, destacou que essa é uma economia considerável para motorista, principalmente os que rodam muito e utilizam o carro como instrumento de trabalho que podem aumentar seus lucros. É só fazer a conta que o motorista percebe que ele vai rodar mais e gastar menos com o combustível” afirmou.

Jailson destacou os avanços verificados nos últimos anos nos kits GNV e a importância da instalação em oficinas homologadas pelo INMETRO.  “Hoje os kits de 5ª geração preservam integralmente o desempenho do veículo e a sua economia”.

O gerente de Mercado Automotivo da PBGás, Alairson Gonçalves Filho, lembrou que historicamente o GNV é mais econômico que a gasolina e o etanol. O GNV ao longo do tempo,  assim como é hoje, sempre foi mais barato que os demais combustíveis líquidos. “Imagine se você tivesse economizado nos últimos 20 anos aproximadamente 40% dos gastos com todo combustível que abasteceu, seria um bom dinheiro. Quem roda com GNV sabe disso e se mantém do lado da economia”, explicou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

quinze − 12 =