Um ex-policial de Pernambuco, suspeito de espancar e atirar em uma mulher foi preso, na noite deste sábado (03), no bairro do Bessa, em João Pessoa. Com o suspeito de 40 anos foi encontrada uma pistola com 13 munições, sendo uma delas deflagrada. A Polícia acredita que a arma teria sido usada no crime.

A vítima de 29 anos deu entrada na UPA do Jardim Oceania com um tiro na clavícula. Ela foi transferida para o Hospital de Trauma de João Pessoa.

O suspeito de cometer o crime foi preso em um carro. O veículo apresentava marcas de sangue no banco. Além da arma apreendida, foram encontradas dentro do carro uma algema, munições de calibre 380 e 5,56 e uma capa de colete balístico.

De acordo com o apurado pelo ClickPB, os policiais da Companhia Especializada em Apoio ao Turista (CEATur) que realizaram a prisão informaram que o acusado tentou se apresentar como policial militar de Pernambuco, inclusive mostrando identidade funcional, porém ao realizar a consulta, descobriram que ele tinha sido expulso da corporação por envolvimento em roubos contra instituições financeiras.

O preso foi apresentado na Central de Polícia, no Geisel. Ele também irá responder por falsidade ideológica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

18 + três =