O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou, durante entrevista na estreia do programa “Direto ao Ponto”, da Jovem Pan, nesta segunda-feira, 28, que os principais erros do governo de Jair Bolsonaro são “a falta de comunicação, de determinação, de paciência e de clareza”. Como exemplo, o general citou a pandemia da Covid-19, em que o Brasil tinha como objetivo a adaptação de três curvas: a da saúde, a da economia e a do social. “Durante a pandemia, o governo falhou mais uma vez ao não saber comunicar as três curvas. Houve uma politização, se fazia lockdown, se não fazia. Aqui jamais poderia funcionar uma ‘fôrma de bolo’. (…) Também em relação a ivermectina, a cloroquina. Essa discussão que ficou ruim, não era necessária.” Para o vice-presidente, o ponto fundamental da comunicação do governo precisa ser “um discurso bem forte, com dados informativos e não ser reativo, mas sim proativo”.

Mourão criticou as pessoas que se colocam contra a volta às aulas no Brasil devido ao coronavírus. De acordo com ele, há uma “hipocrisia” nessa questão. “Tem a turma que diz que não pode reabrir as escolas, mas está na praia e nos bares. Acho que a discussão precisa ser a segurança, quais os procedimentos, se vai limitar os alunos, limitar a capacidade. Será um ano perdido no Brasil. E quem serão os mais prejudicados? Os pobres”, apontou o vice-presidente da República.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

16 − onze =