O empresário do setor de revestimento de cerâmica, que não teve o nome revelado pela polícia, foi preso na tarde deste sábado, no bairro do Cabo Branco, em João Pessoa. Ele teria colocado explosivos no carro do irmão da ex-namorada, com quem tinha terminado um relacionamento há dois meses.
Segundo a polícia, de lá para cá, ele vinha desrespeitando a medida protetiva e ameaçando tanto a mulher quanto a família dela. O homem tem 32 anos de idade e foi preso no apartamento dele. Ele é acusado de explodir o carro do ex-cunhado e por várias ameaçar a ex-namorada e a família dela.
De acordo com a delegada da mulher, doutora Luiza Correia Lima, o homem chegou a pular do primeiro andar do apartamento para tentar evitar a prisão.
“Aconteceu no início da tarde de hoje, o último ato de violência se deu ontem, no início da noite ,em que ele coloca esse explosivo no carro do irmão da vítima, com o nítido propósito de fazê-los desistir do inquérito e da medida protetiva que tinham sido solicitados anteriormente.Ele vinha fazendo várias ameaças à família, ao irmão, à ela, difamando nas redes sociais. O último ato justamente foi colocar esse explosivo que danificou muito carro do irmão dela”, disse.
O empresário segue detido na Delegacia da Mulher à disposição da justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

vinte − três =