Na Paraíba, o resultado da Operação Flashback II, que foi deflagrada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), e o Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNCOC), em parceria com as forças policiais e apoio do Poder Judiciário na manhã desta terça-feira (28) culminou com a prisão de três pessoas e apreensão de um adolescente.

Dois suspeitos de integrar o núcleo da facção criminosa do Primeiro Comando da Capital na Paraíba já estavam detidos no presídio de segurança média, Sílvio Porto, em João Pessoa. Um homem também foi preso em Santa Rita e um adolescente de 15 anos, apreendido suspeito de matar o tio de um desafeto na mesma cidade.

Além da Paraíba, foram cumpridos mandados de prisão e busca e apreensão em Alagoas, Pernambuco, Ceará, Bahia, Piauí, Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais. Na Paraíba, a operação nacional contou com a participação do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), órgão integrante do GNCOC, e das polícias Civil e Militar, que cumprem sete mandados de prisão temporária e quatro de busca e apreensão, nas cidades de João Pessoa, Santa Rita e Sapé.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × quatro =