O Botafogo da Paraíba está fora das semifinais da Copa do Nordeste. O Belo foi derrotado por 3 a 1 pelo Bahia, em jogo disputado neste sábado (25), no estádio Pituaçu, em Salvador (BA). Os gols foram de Ronaldo, Rodriguinho e Fernandão para o Bahia. Rodrigo Andrade descontou para o Botafogo.

Os jogadores, comissão técnica e a diretoria do Botafogo deixaram a partida completamente revoltados com a atuação do trio de arbitragem. O árbitro formado por Gilberto Rodrigues Castro Júnior, Ricardo Bezerra Chianca e Bruno César Chaves, da Federação Pernambucana de Futebol, prejudicou o time paraibano.

O Bahia abriu uma vantagem de 2 a 0 com Ronaldo e Rodriguinho, um em cada tempo, mas o Botafogo voltou melhor para a segunda etapa e diminuiu com Rodrigo Andrade. Depois, os botafoguenses chegaram a fazer o segundo gol, mas a arbitragem anulou. O lance mostra que o atacante Kelvin estava legal.

A arbitragem voltou a cometer outro erro pior, validando o terceiro gol do Bahia. O atacante Fernandão que, segundo as imagens, estava completamente impedido, ampliou o placar. Fim da partida com vitória de 3 a 1 para o time baiano.

Depois do apito final, os jogadores partiram para cima do trio de árbitros e o goleiro Felipe, do Botafogo, foi expulso. O Bahia se classificou para a semifinal e vai pegar o Confiança-SE, que superou o Santa Cruz-PE por 4 a 2 nos pênaltis, depois do 0 a 0 no tempo normal.

Volta do Paraibano

O Botafogo agora se volta para o Campeonato Paraibano e vai encarar o CSP na décima rodada, provavelmente na quarta-feira (29). A Federação Paraibana de Futebol (FPF) deve marcar para a mesma data os confrontos: Treze x Campinense; Perilima x Nacional-PB, São Paulo x Sport LS; Sousa x Atlético de Cajazeiras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

1 × cinco =