A Controladoria Geral da União (CGU) detalhou a lista divulgada nesta quinta-feira (16), onde consta servidores estaduais e municipais que teriam solicitado, indevidamente, o auxílio emergencial de R$ 600,00. Na Paraíba foram 6.603 servidores, entre médicos, Policiais, aposentados e pensionistas da PBPrev, entre outros.

Do total, 2.897 são servidores da Secretaria de Estado da Saúde, 2.614 são aposentados e pensionistas da PBPrev, outros 466 são servidores da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, enquanto 150 são policiais militares.

O coordenador da CGU na Paraíba, Severino Queiroz, alegou dificuldade em manter contato com as prefeitura se câmaras, pois os envolvidos não atendem as ligações que aparecem nos portais na internet, assim como também não respondem aos emails. A CGU solicita aos representantes das prefeituras e câmaras que mantenham contato pelo número (83) 2108-3046 ou pelo e-mail cgupb@cgu.gov.br, para obter a lista dos seus servidores que necessitam fazer a devolução do auxílio emergencial.

Secretaria de Saúde:

Enfermeiros: 133
Assistentes sociais: 26
Nutricionistas: 21
Fisioterapeutas: 16
Farmacêuticos: 7
Psicólogos: 5
Biomédicos: 3
Contadores: 2
Cirurgições-dentistas: 2
Ouvidores: 2
Arquivistas:2
Assessores de imprensa: 2
Médico radiologista: 1
Administrador: 1
Advogado: 1
Diretor: 1
Estatístico: 1

Secretaria Estadual de Educação

Professores da educação básica: 68
Diretores: 14
Vice-diretores: 6

Prefeituras e Câmaras

Prefeituras: todas as 223
Servidores: 19.298
Câmaras Municipais: 124
Servidores do legislativo: 348
Advogados, procuradores e assessores jurídicos: 26
Tesoureiros: 21
Médicos: 9
Enfermeiros: 149
Psicólogos: 68
Fisioterapeutas: 48
Odontólogos: 41
Farmacêuticos: 15
Fonoaudiólogos: 12
Engenheiros: 7
Agentes comunitários de saúde e de combate a endemias: 362

Ranking dos municípios

Campina Grande: 2.961
Bayeux: 1.120
João Pessoa: 926
Ingá: 418
Patos: 336
Conde: 300
Sapé: 293
Jacaraú: 288
Cruz do Espírito Santo: 275
Cajazeiras: 275

Ranking das Câmaras

Campina Grande: 49
Conde: 23
Cacimba de Dentro: 10
Alhandra: 8
Sousa: 7
Juarez Távora: 7
Cruz do Espírito Santo: 6
Queimadas, Solânea, Caaporã e Alagoa Grande: 6 cada

No Brasil são mais de 299 mil servidores estaduais e municipais que solicitaram o auxílio emergencial e precisarão devolver os valores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três + um =