O número total de casos confirmados da Covid-19 em todo mundo ultrapassa 11 milhões, segundo dados divulgados pela Universidade Johns Hopkins, com sede nos Estados Unidos. De acordo com os números, a marca foi superada no sábado (4), quando atingiu 11.048.000 casos da doença. Neste domingo (5), o total de infectados chegou a 11.293.738, o que representa um crescimento de mais de 245 mil nas contaminações.

Ainda no sábado, a Organização Mundial de Saúde (OMS) informou um recorde de novas infecções pelo coronavírus. Segundo o órgão, países membros relataram 212.326 novos casos da Covid-19, sendo o maior aumento registrado em um único dia desde o início da pandemia.

Entre os países que lideram as altas taxas de contágio estão Estados Unidos (2.839.917), Brasil (1.577.004), Rússia (680.283), Índia (673.165) e Peru (299.080). Quanto ao número de mortes, 531.419 registradas até o momento, EUA e Brasil seguem em primeiro e segundo lugar com 129.676 e 64.265 óbitos confirmados, respectivamente. Em seguida estão Reino Unido (44.283), Itália (34.854) e México (30.366).

O expressivo aumento diário de novas infecções acontece enquanto países iniciam etapas mais avançadas da flexibilização do isolamento social. Ao mesmo tempo, países como a China e o Japão, na última semana, começaram a impor novos períodos de quarentena aos habitantes após registros de novos surtos da doença, o que acende o alerta para a possibilidade de uma segunda onda da pandemia em todo o mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 − dezoito =