A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta quinta-feira (18), a 71ª fase da Operação Lava Jato. A ação é um desdobramento da 57ª fase da operação, que investigou o pagamento de propinas a funcionários da Petrobras por empresas que atuam na compra e venda de petróleo e derivados.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), os alvos da investigação são operadores financeiros e doleiros.

De acordo com a PF, são 12 mandados de busca e apreensão e dois ofícios para obtenção de dados telemáticos.

Os mandados são cumpridos nas seguintes cidades:

  • Rio de Janeiro: 7 mandados de busca e apreensão;
  • Cabo Frio: 1 mandado de busca e apreensão;
  • Petrópolis: 4 mandados de busca e apreensão e 2 ofícios judiciais para obtenção de dados telemáticos.

Também foram expedidas ordens para bloqueio de bens de R$ 17 milhões de reais, que é o valor estimado dos prejuízos causados a Petrobras com o esquema.

As ordens judiciais foram expedidas pela 13ª Vara Federal da Justiça Federal, em Curitiba.

PF cumpre mandados de busca e apreensão na 71ª fase da Operação Lava Jato — Foto: Divulgação/PF

PF cumpre mandados de busca e apreensão na 71ª fase da Operação Lava Jato — Foto: Divulgação/PF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

15 − dez =