O ex-senador Cícero Lucena, do Progressitas da Paraíba abortou a tese de que poderia estar inelegível para a disputa eleitoral desse ano, em João Pessoa, por conta dos desdobramentos de uma ação que tramita no Tribunal de Contas da União.

Segundo ele, o ganho da ação criminal proferida ainda em 2019 resolve essa questão e elide qualquer entendimento contrário sobre o tema.

“O ganho da criminal no ano passado resolve isso”, disse, acrescentando que, inclusive, já foi apresentado ao Tribunal de Contas da União o ganho da ação no âmbito criminal.

Para o ex-parlamentar, quem utiliza desse tipo de estratagema para tentar manchar sua imagem age com desespero na ânsia de continuar um jogo político injusto contra ele.

“Isso é desespero de quem não tem proposta e quer continuar fazendo um jogo injusto comigo”, emendou.

A tese de que Cícero poderia se tornar inelegível veio à tona diante de recentes jurisprudências do Tribunal Superior Eleitoral que determinou a inelegibilidade de políticos com contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas da União. As informações são do portal PB Agora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

15 − catorze =