Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

O ministro Alexandre de Moraes usou o Twitter neste domingo para desmentir uma conversa de WhatsApp atribuída a ele.

As mensagens foram publicadas por um perfil anônimo na rede social e mostram um diálogo falso em que o ministro pediria a atuação de um sniper do PCC em uma manifestação de apoio a Jair Bolsonaro, em Brasília.

“Lamentável que milícias digitais, criminosamente, inventem mensagens e perfis falsos e mentirosos, como esse anexo, para desgastar a Democracia e o Estado de Direito. O Poder Judiciário atuará com firmeza para responsabilizar esses marginais”, disse Moraes.

O ministro é relator do inquérito aberto no STF para apurar ameaças e fake news contra integrantes da Corte, o mesmo que ensejou a censura à Crusoé e a O Antagonista.

Moraes desmente fake news: “O Judiciário atuará com firmeza para responsabilizar esses marginais”
Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezesseis + 14 =