Os municípios do Conde, Lucena, Alhandra a Caaporã serão fechados para a entrada de turistas e de quem não reside nesses locais. É o que determina o novo decreto 40.242 assinado, no sábado (16), pelo governador João Azevêdo, que prologa o isolamento social até o di 31 desse mês e que amplia as medidas restritivas para todos os municípios paraibanos.

Entre outras diretrizes para prevenção e combate ao novo coronavírus, o documento prevê a instalação de barreiras sanitárias nas rodovias PB-008 e PB-018 (Conde), PB-025 (Lucena), PB-034 (Alhandra/Caaporã), PB-044 (Caaporã/Pitimbu) e no terminal hidroviário de Cabedelo.

O acesso a esses municípios ficará restrito aos moradores e às pessoas que trabalhem nas atividades consideradas essenciais, ou para tratamento de saúde, devidamente comprovados. A ampliação das medidas para todas as cidades, independe se existe ou não casos da Covid-19.

O governo quer, com isso, barrar o avanço do coronavírus no Estado, uma vez que foi registrado o aumento diário de casos diagnosticados, principalmente nesta semana. O decreto será publicado em edição eletrônica especial do Diário Oficial do Estado ainda hoje.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezoito + vinte =