Reino Unido começa a flexibilizar nesta quarta-feira (13) as regras de isolamento por causa do novo coronavírus após mais de sete semanas de restrições. As pessoas que não conseguem trabalhar em casa foram encorajadas ao ir ao trabalho se ele estiver aberto. No entanto, recomenda-se que não se utilize transporte público.

Produção, construção e manufatura de alimentos estão entre os setores que podem ser abertos seguindo as novas orientações de segurança.

Duas pessoas de famílias diferentes também podem se encontrar em ambientes externos, como parques, desde que fiquem a dois metros de distância.

O impacto econômico da pandemia provocou uma queda de 2% no Produto Interno Bruto (PIB) do Reino Unido no primeiro trimestre de 2020. Trata-se do retrocesso mais significativo desde o quarto trimestre de 2008, segundo Escritório Nacional de Estatísticas (ONS).

Pelo mundo

A Espanha registrou 184 mortes pelo coronavírus na últimas 24 horas. O total agora é de 27.104. Também foram 661 novos casos confirmados.

A Bundesliga, liga de futebol da Alemanhã, será a primeira das principais da Europa a retomar os jogos, o que acontecerá no fim de semana. Nesta quarta, o ministro do Interior, Horst Seehofe, declarou que, apesar do retorno, os jogadores terão de seguir as mesmas regras do restante da população se houver infecções.

O Brasil ultrapassou a Alemanha no número de infecções pelo novo coronavírus e se tornou o 7º país do mundo com mais casos, de acordo com o levantamento feito pela universidade americana Johns Hopkins.

A Rússia suspendeu a utilização de respiradores que teriam provocado o incêndio em São Peterburgo. O país registrou mais de dez mil novos casos nas últimas 24 horas pelo 11º dia seguido. O total agora é de 242,271 infecções pelo coronavírus.

A fronteira entre Canadá e Estados Unidos seguirá fechada para viajantes não-essenciais até pelo menos o dia 21 de junho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 − 3 =