O presidente da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal, Edvadir Paiva afirmou nesta quarta-feira (6) que o presidente da República Jair Bolsonaro errou muito ao pensar que a Polícia Federal pertence a ele e tem que está a seu serviço.  “O nosso compromisso é com o Estado e não temos obrigação de passar relatório das novas atividades investigativas para o presidente da República”, destacou o delegado.

Segundo ele, a missão de passa relatórios para o presidente sobre investigações é de competência da Agência Brasileira de Investigação, (ABIN).

Edvadir Paiva, que foi o entrevistado do Programa Rede Verdade do Sistema Arapuan de Comunicação, disse ainda que a demissão do Ministro Sérgio Moro foi muita traumática tanto para o Brasil como para a Polícia Federal e que o ambiente dentro da instituição está muito tenso por causa dessa e outras decisões tomadas pelo presidente da República.

Ele disse que ainda tudo o que foi dito pelo presidente Jair Bolsonaro sobre a Polícia Federal está sendo investigado por uma delegada muito competente. “ Não queremos aqui emitir nenhum juiz de valor, mas as declarações do presidente contra a nossa instituição foram tão sérias que estão sendo apurando pelo procurador geral de Justiça Augusto Aras”, finalizou Edvadir Paiva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

treze + 11 =