O Governador João Azevêdo (Cidadania) sinalizou durante entrevista à Rádio Sanhauá, nesta quinta-feira (30), que o isolamento social na Paraíba deve continuar. O decreto estadual termina no domingo (3) e deve mesmo promulgar novo decreto. O governador  usou os números crescentes de casos de coronavírus em João Pessoa e destacou que a população não atendeu, de forma satisfatória, a recomendação de isolamento social.

Apesar da sinalização da continuação da quarentena no Estado, o governador ressaltou  que alguns setores da economia podem ser flexibilização. “Claro que há alguns itens que também serão adequados, no sentido de atender a população que está em casa em utilização de determinados insumos, sem dá muitos detalhes”, pontou.

João Azevêdo demonstrou preocupação com o colapso na saúde da Paraíba e frisou que o não uso de máscaras pode nos levar a esse ponto. “Você imaginar o que Pernambuco está passando hoje, está adotando critérios para definir quem vai entrar ou não na UTI. Não queremos que isso chegue na Paraíba. Só tem uma forma de evitar isso: a população entender que tem que se proteger através do uso da máscara. Precisa se conscientizar que se sair na rua sem máscara, ao chegar em casa pode matar pai, mãe ou filho”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um × 2 =