O aumento dos casos de coronavírus em Pernambuco, que já ultrapassa os 282 óbitos e no Ceará, com 215 mortes, além de infectados ascendeu o alerta do governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania). Segundo ele, o Sistema de Saúde desses estados já não possui mais leitos de UTIs suficientes e com agravamento dos casos existe a preocupação de que as pessoas começem a vir para cá. O desabafo foi feito em entrevista à rádio Arapuan, nesta quarta-feira (22).

“Sabemos muito bem que no Nordeste temos Ceará e Pernambuco com mais de 200 mortes, isso causa apreensão em todos nós. O colapso na saúde vai fazer com que pessoas corram para Paraíba. A nossa definição em relação a reabertura [do comércio] se faz baseada em informações cientificas”, explicou.

Azevêdo ainda criticou quem é contra as medidas de prevenção adotadas para amenizar a contaminação da Covid-19 na Paraíba, explicando que a reabertura do comércio será feita quando o estado tiver condições.

“A minha ansiedade é grande com que a vida volte ao normal, desejo que voltemos ao normal o mais rapído, mas só podemos se tivermos condições para que isso ocorra. Estamos subindo a ladeira, não chegamos em cima da montanha para descer do outro lado”, declarou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

quinze − seis =