As internações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) aumentaram 578% na Paraíba, do início do ano até o dia 18 de abril, em relação ao mesmo período do ano passado. Até essa data, foram notificadas 567 hospitalizações, de acordo com dados do Sistema de Informação de Vigilância da Gripe (SIVEP-Gripe), divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).

A covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, é um tipo de SRAG e, embora nem todos os casos de SRAG registrados irão se confirmar como covid-19, o aumento expressivo das notificações durante a pandemia é um dado importante.

De acordo com a SES, é considerado paciente com SRAG o indivíduo que apresente dispneia/desconforto respiratório OU pressão persistente no tórax OU saturação de O2 menor que 95% em ar ambiente OU coloração azulada dos lábios ou rosto.  Em crianças, além dos itens anteriores, é preciso observar os batimentos de asa de nariz, cianose (pele azulada), tiragem intercostal, desidratação e inapetência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 × três =