O fechamento do comércio na Paraíba foi prorrogado até o dia 3 de maio, de acordo com decreto assinado pelo governador João Azevêdo e publicado na edição deste sábado (18) do Diário Oficial da Paraíba. No entanto, a partir da próxima segunda-feira (20) será permitido o funcionamento de óticas, estabelecimentos que comercializem produtos médicos ou hospitalares e concessionárias de veículos novos ou usados. Todos os estabelecimentos comerciais que estiverem abertos a partir da próxima segunda-feira (20) terão que fornecer máscaras a funcionários e clientes.

De acordo com o texto do decreto, as óticas e os estabelecimentos que comercializam produtos médicos ou hospitalares terão que funcionar exclusivamente com serviço de delivery ou com agendamento para retirada de mercadorias.

Já as concessionárias de veículos novos e usados serão autorizadas a funcionar desde que não haja aglomeração de pessoas. Também deverá ser observado o horário de funcionamento estabelecido pelos municípios.

Apesar de estarem liberados para funcionar, os estabelecimentos incluídos neste decreto e no anterior serão obrigados a fornecer máscaras para todos os seus empregados, colaboradores e clientes. Segundo o decreto, está proibida a permanência de qualquer pessoa no interior do estabelecimento ou em filas do lado de fora que não esteja usando máscara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

quinze − 6 =