Morreu aos 70 anos de idade o arcebispo emérito da Paraíba, Dom Aldo Pagotto. A informação foi confirmada ao ClickPB pela assessoria de imprensa da Arquidiocese de Fortaleza.

Em nova nota, a Arquidiocese da Paraíba lamentou:

A Arquidiocese da Paraíba, com profundo pesar, comunica o falecimento de seu Arcebispo Emérito, Dom aldo di Cillo Pagotto, ocorrido às 15h desta terça-feira, dia 14 de abril de 2020. Há suspeitas de que o religioso tenha sido infectado pelo coronavírus, mas esta informação ainda não foi confirmada.

A Arquidiocese, enlutada, informa que está sendo providenciada uma nota oficial.

Dom Aldo di Cillo Pagotto foi internado com suspeita de coronavírus, em Fortaleza, no estado do Ceará, nesta terça-feira (14). A informação havia sido confirmada pela Arquidiocese da Paraíba ao Arapuan Verdade.

O sacerdote foi levado à UTI (Unidade de Terapia Intenvisa) em Fortaleza. Dom Aldo Pagotto vivia em Fortaleza desde que deixou o cargo de Arcebispo da Paraíba, sendo substituído por Dom Manoel Delson. O título de emérito de Dom Aldo é uma espécie de aposentadoria dentro da Igreja Católica.

Mais cedo em nota, a Arquidiocese da Paraíba informou que o arcebispo emérito da Paraíba, Dom Aldo di Cillo Pagotto estava “internado na UTI do hospital da Unimed, na cidade de Fortaleza – CE, onde reside. Ele precisou ser internado após agravamento de crise de insuficiência respiratória. Os sintomas são equivalentes aos sintomas apresentados por pacientes vítimas do covid-19, mas ainda não há confirmação.”

Em dezembro de 2019, ele havia sido alvo de boato sobre sua própria morte e foi a público desmentir a fake news: “Estou vivo.” Na época, ele se recuperava de um transplante de medúla óssea.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

treze − onze =