O médico geriatra, Diogo Brito, de 36 anos de idade, que atende nas cidades de Sousa e Cajazeiras, no Sertão paraibano, disse após receber alta da UTI, nesta quinta-feira (09), que acha que morreu e ressuscitou uma 10 vezes.

Inicialmente, o profissional foi internado no dia 28 de março no Hospital Santa Terezinha na cidade Sorriso, após vários sintomas. Depois foi levado para sua terra natal, Mossoró (RN), onde foi internado no dia 30 de março e desentubado (extubado) no dia 7 de abril, em um hospital particular. Ao receber alta ele foi aplaudido pelos colegas profissionais da saúde, como mostra o vídeo acima.

Diogo conta em vídeo gravado e divulgado que ele esteve em estado gravíssimo, mas que agora está bem melhor. Ele agradeceu a todos que se preocuparam com a saúde dele e as mensagens de apoio recebidas. Ele afirmou ainda que já está livre do coronavírus, mas, vai precisar fazer uso de antibióticos por mais alguns dias por conta de uma alteração pulmonar.

Médico geriatra, Diogo Brito.

Só em Mossoró, até esta Sexta Santa, já foram registrados cinco óbitos diagnosticados com a Covid-19.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três + dez =