O Sistema Prisional da Paraíba adquiriu insumos para iniciar a produção de máscaras destinadas a policiais militares, policiais civis e bombeiros militares, por conta da pandemia do coronavírus. A fabricação das máscaras serão feitas pelas reeducandas da Penitenciária Feminina Maria Júlia Maranhão, utilizando polipropileno e seguindo os padrões estabelecidos pela Anvisa.

De acordo com o secretário Jean Nunes, foram adquiridos 200 rolos de TNT, elásticos, hastes flexíveis para ajuste e cola. “Essa foi a nossa primeira compra e vai proporcionar a fabricação superior a 200 mil máscaras, que serão direcionadas aos nossos policiais civis, militares, bombeiros militares e servidores administrativos que exercem atividades essenciais em nossa pasta. De acordo com a demanda, iremos adquirindo os insumos”, afirmou o secretário.

Ele ainda reforçou a importância da parceria e integração entre as secretarias que compõem o Sistema de Segurança Pública no Estado. “Os EPIs já estão sendo fabricados para a Administração Penitenciária e agora com a aquisição do material por parte da nossa secretaria, também serão para nós”, frisou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

5 × 3 =