A Polícia Militar deflagrou a Operação Semana Santa para evitar aglomerações na Paraíba. De acordo com o Coronel Lívio, de 24 de março a 07 de abril foram 1084 chamadas, 70% delas na Capital que é o epicentro do novo coronavírus.

As áreas de maior atuação desde que foi decretada a quarentena são a zona sul (Geisel, Mangabeira, seguida pela zona norte (Mandacaru, Padre Zé).

A Operação Semana Santa desta vez tem um objetivo diferente, que é orientar as pessoas a permanecer em suas casas. “Não se desloquem para outras regiões, nem para outros estados, principalmente onde acontece mais casos como Pernambuco e Ceará. Pedimos que evitem de ir para esses locais, a Paraíba ainda é referência de trabalho preventivo e pedimos que as pessoas se conscientizem para que nem levem nem tragam o vírus”, disse.

“Fizemos uma videoconferência com o comandante e todas as regiões estão fazendo a Operação Previna-se dentro da Operação Semana Santa. Temos uma preocupação grande com a Grande João Pessoa que é onde acontecem os maiores problemas de chamamentos para a PM com denúncias de aglomeração. É uma medida para orientar o cidadão que cumpra o decreto do governo que visa prevenir as pessoas para que não contraiam a doença”, contou.

A polícia também vai atuar na segurança das pessoas que estão procurando agências bancárias para receber o auxílio emergencial, além de prevenir as ‘saidinhas de banco’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

20 − nove =