De acordo com informações divulgadas pelo site NaTelinha, do UOL, a Globo tem 13 jornalistas diagnosticados com o novo coronavírus. Os profissionais têm sido mais expostos ao contágio com o aumento dos noticiários a respeito da pandemia, que ultrapassou 12.056 mil casos no Brasil, com 553 mortes confirmadas nesta segunda-feira (6) pelo Ministério da Saúde.

Procurada pela reportagem do portal de notícias, a emissora informou que 19 profissionais com sintomas da doença não tiveram a doença detectada. Outros 13 jornalistas testaram positivo para a Covid-19. A maioria dos pacientes infectados trabalham no Rio de Janeiro.

“Destes 13, dois são assintomáticos; oito têm um quadro leve da doença e estão em casa; e três apresentam um quadro moderado e estão internados. Estão bem e a evolução dos três têm sido positiva. Os casos se distribuem assim: 1 caso em Brasília, 1 em Minas Gerais, 3 em São Paulo e 8 no Rio de Janeiro”, afirmou a Globo, por meio de sua assessoria de imprensa.

A emissora ainda explicou que toma “todas as providências necessárias, como o afastamento preventivo de contatos próximos”, mantém “o distanciamento entre os postos de trabalho, as medidas de higiene das mãos e dos equipamentos, e agora o uso de máscaras que são utilizadas por todos (exceto nas chamadas)”.

A Globo não revela nomes e funções dos jornalistas diagnosticados com o novo coronavírus e orienta os profissionais a não publicarem informações de cunho pessoal durante a quarentena. O único paciente que teve seu tratamento divulgado foi Marcelo Magno, apresentador da Rede Clube, afiliada da emissora no Piauí. Sua internação na UTI e a alta médica viraram notícia no “Jornal Nacional”.

Outro caso revelado foi de Pedro Rocha. O jornalista de 27 anos e sem histórico de doenças crônicas, portanto fora do grupo de risco para Covid-19, teve seu teste positivo divulgado pelo pai, Fernando Rocha, nesta segunda, em sua rede social.

“Hoje, logo cedo, eu tive a informação de que meu filho, Pedro Rocha, também testou positivo para o coronavírus. O Pedro mora em Belo Horizonte, trabalha na Globo Minas, e mora com meu pai e com minha mãe em um apartamento que, felizmente, tem espaço para todo mundo. Minha mãe vai fazer o teste de novo. Todos passam bem, têm sintomas leves”, disse Fernando Rocha no Instagram.

Pedro trabalha na cobertura esportiva, mas foi emprestado para o noticiário sobre o coronavírus. A reportagem teve acesso ao e-mail interno do diretor de Esportes da Globo, Renato Ribeiro, comunicando à redação que outros dois profissionais do departamento, em São Paulo, também testaram positivo para a Covid-19. As informações são do NaTelinha.

Leia abaixo o comunicado interno do diretor de Esportes da Globo aos profissionais do departamento:

Caros,

No fim-de-semana, tivemos a notícia de que dois companheiros de São Paulo testaram positivo para a Covid-19. Ambos já apresentavam, há alguns dias, sintomas de gripe e sintomas leves da doença. Um está trabalhando em home office há duas semanas. O outro completou 14 dias de afastamento hoje. Ambos trabalhavam exclusivamente para o Esporte e não foram cedidos ao Jornalismo nesse período.

Dado o prazo transcorrido desde o afastamento, nenhuma medida adicional de quarentena de outros colegas precisa ser tomada. Por questões éticas, não podemos dar mais informações sobre os colegas, como nome, gênero, função ou cargo. Mas posso garantir que todos estão bem, em casa, e sendo acompanhados.

Em Belo Horizonte, também tivemos um caso positivo. Um companheiro nosso, do Esporte, que estava cedido ao Jornalismo. Ali já comunicou o caso à equipe. Um parente dele testou positivo, na semana passada, e ele foi afastado na ocasião. Está assintomático, em casa.

Desejo uma rápida recuperação aos três. A eles, o carinho e a amizade de todos nós.

Vamos seguir firmes e agradeço a todos que têm se dedicado ao nosso ofício seja em casa, seja nas redações ou nas ruas trabalhando para o Esporte ou para o Jornalismo.
Muito obrigado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

cinco × dois =