O Ministério da Educação (MEC) está com o cadastro aberto para que estudantes de medicina, enfermagem, farmácia e fisioterapia atuem no combate ao coronavírus. A inscrição poderá ser feita no endereço eletrônico.

Os selecionados receberão uma bolsa de um salário mínimo, para estágios de 40 horas, e meio salário mínimo, para estágios de 20 horas. Os selecionados vão atuar em estabelecimentos de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS).

O estudante convocado receberá um email e terá até 48 horas para se apresentar no estabelecimento de saúde indicado. Segundo o MEC, “os estudantes também poderão atuar nas áreas de clínica médica, pediatria e saúde coletiva, de acordo com as especificidades de cada curso.”

Os estudantes de medicina interessados deverão estar cursando o 5º ou 6º ano de curso. O cadastro de alunos de enfermagem, farmácia e fisioterapia está aberto para estudantes do último ano do curso.

Segundo o MEC, “a medida tem o objetivo de fortalecer o enfrentamento ao novo coronavírus com o apoio excepcional e temporário dos alunos da área de saúde”.

Convocação de profissionais da saúde
O Ministério da Saúde convocou, nesta quinta-feira (2), profissionais de 14 categorias da área da saúde para realizar capacitação, em caráter emergencial, para trabalhar pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no combate ao novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Entre eles, estão médicos, enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, assistentes sociais, profissionais de educação física e veterinários.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

11 + dez =