Um estudo feito por cientistas da Universidade de Turim concluiu que a vitamina D pode reduzir os fatores de risco de pacientes com Covid-19.

A pesquisa avançou após um estudo inicial, realizado em Turim, mostrar que “os pacientes com a Covid-19 apresentavam uma prevalência muita alta de deficiência de vitamina D”.

A vitamina D tem papel ativo na regulação do sistema imunológico e, segundo os cientistas, evidências indicam que o composto tem efeito “na redução do risco de infecções respiratórios de origem viral, inclusive na da Covid-19”.

 

O cientistas, então, recomendaram aos médicos que, associada a outras medidas, eles garantam “níveis adequados” de vitamina D “em pacientes já contagiados, seus familiares, agentes de saúde, idosos frágeis, no público de residências assistenciais, em pessoas em regime de isolamento e em todos aqueles que, por vários motivos, não se expõem adequadamente à luz solar”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezenove − nove =