O governador da Paraíba, João Azevedo (Cidadania) anunciou no início da noite de hoje que os bancos e casas lotéricas deverão permanecer fechados em João Pessoa a partir do dia 22 e por 15 dias. A medida integra uma série de medidas que integram um decreto a ser publicado neste sábado, 21, no Diário Oficial do Estado.

João Azevedo afirmou que os governadores apresentaram uma carta com pedidos ao presidente Jair Bolsonaro e no documento se destaca a solicitação da criação de uma bolsa para ser paga aos trabalhadores autônomos: “Nosso objetivo é apresentar alternativas para toda a sociedade. As pessoas autônomas pensam como vão sobreviver sem ir trabalhar e os governadores estão atentos para que o governo federal cumpra sua função. Já foi feita uma carta na qual todos os governadores cobram respostas sobre a saúde, mas também na área econômica. Pedimos que prontamente seja aplicada a lei que institui a renda básica de cidadania para amparar a população economicamente vulnerável. É como o que há no seguro defeso quando os pescadores recebem uma bolsa, Isso é fundamental para que possamos passar essa fase. Também pedimos um aporte maior para a área de saúde e a suspensão do pagamento dos empréstimos que o Estado tem com os bancos oficiais”.

O chefe do executivo estadual pediu que os paraibanos permaneçam em casa durante o período da pandemia: “Fique em casa. O que queremos é evitar o contato com as pessoas. Não tenho dúvidas de que passaremos esse momento, talvez sejam meses difíceis para o nosso Estado, mas vamos vencer”.

Confira alguns pontos do decreto do Governo da Paraíba sobre o coronavírus:

– Suspensão no Porto de Cabedelo de desembarque de população, exceto para a retirada de pessoas doentes.

– Estará suspenso para as cidades com casos confirmados pelo prazo de 15 dias, a partir de 22 de março, o funcionamento de academias, centros esportivos, shoppings, bares, restaurantes, festas, cinemas, teatros, parques de diversão, bancos e casas lotéricas e as embarcações turísticas de esporte e lazer. Restaurantes e lanchonetes poderão funcionar só com serviço de entrega, inclusive por aplicativo. O mesmo se aplica a lojas em geral.

– Ficam suspensas missas e cultos religiosos por 15 dias.

– Fica suspenso o curso dos prazos processuais da administração pública do Estado.

-Toda a frota de transporte intermunicipal da região metropolitana de João Pessoa e Campina Grande será paralisada neste final de semana e, a partir de segunda-feira (23), voltará a funcionar, porém com horário reduzido. Já os transportes que interligam todos os municípios da Paraíba, terão a frota reduzida a partir deste sábado (21).

-A balsa que faz a travessia Costinha/Cabedelo/Costinha também terá o horário reduzido neste fim de semana; e as lanchas de transporte fluvial, que fazem a travessia Costinha/Forte Velho/Cabedelo funcionarão com horário e capacidade de pessoas reduzidos.

-Já os ônibus que fazem o transporte interestadual terão a sua operação definida pela Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

16 + 20 =