são jooao


João Pessoa, 29 de Janeiro de 2020.



> NOTÍCIA


Publicado em 14/01/2020 11h07

Calvário: Gestão Cartaxo gastou R$ 700 mil com laboratório ligado a Daniel Gomes, da Cruz Vermelha

A Lifesa era uma das empresas que fazia parte do esquema de corrupção, de acordo com o Ministério Público

Ouça o áudio:  Calvário: Gestão Cartaxo gastou R$ 700 mil com laboratório ligado a Daniel Gomes, da Cruz Vermelha

Imagem da internet

 

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), foi citado da denúncia do Ministério Público da Paraíba (MPPB) contra 35 investigados na Operação Calvário.

De acordo com Daniel Gomes, que era dirigente da Cruz Vermelha, uma das organizações sociais envolvidas no suposto esquema de pagamento de propinas em troca de contratos, Cartaxo teria comprado cerca de R$ 700 mil à Lifesa (Laboratório Industrial Farmacêutico do Estado da Paraíba).

A Lifesa era uma das empresas que fazia parte do esquema de corrupção, de acordo com o Ministério Público. O diálogo no qual Luciano Cartaxo é citado faz parte de uma das conversas entre Daniel e o ex-governador Ricardo Coutinho transcritas pelo órgão ministerial.

Confira o trecho:

 

 

Fonte: Da internet
TAGS
    Nenhum resultado encontrado.
Bookmark and Share
Governo Lateral TV TSPB Rádio TSPB 100.5

Colunistas

Categorias

Facebook

Twitter

Vídeos

Parceiros

    Nenhum resultado encontrado.