GOVERNO DA PARAIBA




> NOTÍCIA


Publicado em 05/06/2018 10h39

Tatuagens nazistas de marido de lutadora do UFC geram polêmica

A postagem, que foi apagada, gerou ainda mais polêmica, e a lutadora voltou a se pronunciar em suas redes sociais desculpando-se novamente.

Ouça o áudio:  Tatuagens nazistas de marido de lutadora do UFC geram polêmica

Imagem da internet

As tatuagens de Donny Aaron, treinador e marido da lutadora americana Andrea “KGB” Lee, causaram polêmica no MMA. Os símbolos da suástica e da “SS”, a organização paramilitar ligada ao Partido Nazista e a Adolf Hitler responsável por muitos dos crimes contra a humanidade cometidos pelos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, chamaram a atenção ao aparecerem em fotos que a atleta postou após sua vitória contra Veronica Macedo no UFC Santiago. A repercussão negativa foi tamanha que o casal veio a público explicar e se desculpar.

– Nós não somos racistas, temos um rapaz asiático e um rapaz negro morando conosco. Meu Deus! É uma tatuagem que ele fez quando estava na prisão. Esqueçam isso! Ele cobre as duas todo o tempo, mas elas apareceram quando tivemos um dia livre no lago. Idiotas sensíveis.

 

Donny Aaron e a tatuagem da

 

A postagem, que foi apagada, gerou ainda mais polêmica, e a lutadora voltou a se pronunciar em suas redes sociais desculpando-se novamente.

“Meus últimos comentários foram feitos para defender meu marido, não a sua tatuagem. Nunca pretendi acobertar a situação, a história dos símbolos ou ignorar quem se sentiu ofendido. Os erros que ele cometeu na sua juventude não representam quem ele é hoje: um homem que ama e respeita a todos. Donny era meu treinador muito antes de ficarmos juntos. Quando começamos a namorar, eu o questionei sobre suas tatuagens e ele me contou o seu passado, quem ele é agora e como mudou. Quanto mais eu o conheço, menos eu presto atenção à sua pele. Sinto muito pela forma como respondi, mesmo que vocês não acreditem. Não sou racista ou nazista, e nnem eu nem ele odiamos as pessoas.

Sempre tivemos uma regra de ouro: só fazer aos outros o que gostaríamos que fosse feito conosco. Eu tento levar a minha vida dessa forma, e ensino isso a minha filha. Não acredito no ódio às pessoas por coisas que elas tenham feito a mim ou na vida. Se não gosto de alguém, nunca digo que odeio essa pessoa. Sou o tipo de pessoa que ajuda a todos, independente da cor da pele ou da religião. Não julgo ninguém com base em uma única coisa ou atitude, ou por algo que tenham dito. Prefiro conhecer as pessoas e formar a minha opinião. É assim que eu sou. Me desculpem se ofendi alguém. Por favor, me perdoem. Leiam isso com atenção. Escrevi com o coração. Mesmo me odiando ou não, eu lamento muito, e continuarei a fazer o bem, não importa a quem.”

Ryan Bader integra time de Miocic para luta contra Cormier

O time do campeão dos pesos-pesados do UFC, Stipe Miocic, recebeu um reforço de peso na preparação para o duelo contra Daniel Cormier no UFC 226, que acontece dia 7 de julho em Las Vegas. Atual campeão dos pesos-meio-pesados do Bellator, Ryan Bader juntou-se à equipe de Miocic nesta semana, e postou fotos na sua conta no Instagram.

Especialista em wrestling, Bader é desafeto declarado de Daniel Cormier, tendo desafiado o campeão dos pesos-meio-pesados do UFC diversas vezes, sendo ignorado ou ridicularizado por Cormier em todas as vezes. Os dois chegaram a quase brigar em uma coletiva de imprensa do UFC 187, nos EUA, logo após Cormier derrotar Anthony Johnson pela primeira vez, conquistando o cinturão vago dos meio-pesados da organização.

 

Fonte: Da internet
TAGS
    Nenhum resultado encontrado.
COMENTÁRIOS
Bookmark and Share
Assembleia TV TSPB Rádio TSPB 100.5

Colunistas

Categorias

Facebook

Twitter

Vídeos

Parceiros

    Nenhum resultado encontrado.