GOVERNO DA PARAIBA




> NOTÍCIA


Publicado em 23/02/2017 11h58

Árbitro do Dérbi admite erro e diz: 'Espero continuar minha carreira'

Bastante chateado com a falha, ele explicou o que levou ao erro na expulsão de Gabriel, disse que ficará marcado pelo fato e demonstrou preocupação com o seu futuro na profissão.

Ouça o áudio:  Árbitro do Dérbi admite erro e diz: 'Espero continuar minha carreira'

Imagem da internet

Árbitro do clássico desta quarta-feira, entre Corinthians e Palmeiras, em Itaquera, e autor de um erro que poderia ter sido decisivo no resultado da partida, Thiago Duarte Peixoto fez um pronunciamento emocionado no início da madrugada de quinta, após a vitória do Timão.

Bastante chateado com a falha, ele explicou o que levou ao erro na expulsão de Gabriel, disse que ficará marcado pelo fato e demonstrou preocupação com o seu futuro na profissão.

– Escolhi ser árbitro de futebol e se eu não estiver preparador para os erros...Espero que continue minha carreira. É um aprendizado, é difícil errar num clássico, num jogo com uma importância dessa. Já passei por momentos delicados na minha vida pessoal, agora passo na minha carreira profissional. É seguir como todo mundo que comete um equívoco. Não estou querendo justificar, eu errei. Apliquei o amarelo e vermelho à pessoa errada. Espero, do fundo do coração, que minha carreira continue – lamentou o árbitro.

Aos 38 anos, Peixoto explicou o que o levou a confundir Maycon com Gabriel no lance polêmico:

– Realmente houve um equívoco pontual. Teve um contra-ataque do Palmeiras. Por segurar o adversário, tenho de aplicar cartão amarelo. Foi o que fiz, mas com o jogador errado. Era o Maycon. Por que me confundo? No momento que o jogador puxa, vem o Pablo e dá uma chegada dura. Fico preocupado e quando levanto a cabeça, vejo o Gabriel na minha frente. Apliquei o cartão erroneamente – admitiu ele, que foi alertado pelos colegas.

– Não é que não fui com o quarto árbitro, ele só me fala que quem fez a falta por baixo foi o Pablo. Não foi essa a falta que dei. Falei do Gabriel e ninguém tinha a informação exata. 

Na súmula, Thiago Duarte Peixoto tratou o lance com normalidade e disse que expulsou Gabriel por ele ter segurado Keno, "impedindo um ataque promissor na disputa da bola". Nas observações, o árbitro diz ter sido xingado por torcedores e dirigentes do Corinthians.

Súmula de Corinthians x Palmeiras cita expulsão de Gabriel (Foto: Reprodução)Súmula de Corinthians x Palmeiras cita expulsão de Gabriel e xingamentos ao árbitro do Dérbi (Foto: Reprodução)

Fonte: Da internet
TAGS
    Nenhum resultado encontrado.
COMENTÁRIOS
Bookmark and Share
WhatsApp TV TSPB Rádio TSPB 100.5

Colunistas

Categorias

Facebook

Twitter

Vídeos

Parceiros

    Nenhum resultado encontrado.